domingo, 4 de setembro de 2011

Evolução

Tempo de Duração: +- 45 min cada
Ano de Lançamento: 2008
Qualidade: TVRip
Formato: Avi
Audio: Português (Portugal)
Legenda: -
Tamanho: +- 400 MB cada
Sinopse:
Episódio 01: A Comunicação
A nossa capacidade de comunicação definiu-nos como espécie. Partilhar informação entre uns e outros permitiu aos seres humanos situar-se no topo da cadeia alimentar e dominar o nosso meio. No entanto, o ser humano não é a única espécie que consegue comunicar. Organismos tão simples como uma bactéria podem comunicar uma estratégia que lhes permita cooperar para vencer criaturas cujo tamanho é milhões de vezes maior. Os peixes utilizam feromonas para avisar da presença de predadores e para encontrar parceiros. Os elementos químicos também são meios eficazes de comunicação na terra e permitiram que os insectos, alguns dos animais mais pequenos e humildes da natureza, se tornassem na classe animal mais numerosa e prolífica da Terra. A faculdade de interagir remonta a milhares de milhões de anos e, com frequência, foi um dos factores primordiais que permitiu a uma espécie evoluir e sobreviver.

Download (Opção 01 - DepositFiles)

Episódio 02: A Visão
É uma das invenções mais úteis e frequentes da evolução. Noventa e cinco por cento das espécies existentes estão dotadas de olhos, que podem adquirir diversas formas. Conheceremos como os antepassados das medusas poderiam ter sido os primeiros organismos vivos que desenvolveram células fotossensíveis. Também descobriremos como evoluíram os olhos dos dinossauros, de forma a ajudá-los a tornarem-se caçadores astutos. Por último, aprenderemos como os olhos dos primatas experimentaram adaptações únicas que lhes permitiram explorar melhor o seu novo habitat, e como a capacidade de distinguir as cores lhes ajudou a encontrar a comida.

Download (Opção 01 - DepositFiles)

Episódio 03: O Voo
Os seres humanos sempre se sentiram fascinados com uma parte do mundo que não podiam conquistar: o céu. Como surgiram as primeiras criaturas voadoras da Terra? Neste programa analisaremos o primeiro vertebrado voador, o pterossáurio, que conquistou o ar há mais de 220 milhões de anos e, com o tempo, evoluiu até alcançar o tamanho de um avião pequeno. Desde há muito tempo, os cientistas estudaram como estes animais, as maiores criaturas voadoras da história, foram capazes de conseguir semelhante façanha. Os cientistas analisam o historial de fósseis e as aves atuais para tentar perceber como algumas espécies evoluíram até conseguir a capacidade extraordinária de voar.

Download (Opção 01 - DepositFiles)

Episódio 04: O Sexo
Na história da vida na terra, o sexo poderia ser a autêntica ferramenta de sobrevivência, uma vez que o resultado é: reproduzir-se ou morrer. Durante este espaço analisaremos o sexo nas suas diferentes formas. Desde os tubarões, que são um dos primeiros vertebrados que mantiveram um contacto sexual; os dinossauros, que tiveram que averiguar a maneira de juntar os seus corpos gigantescos para acasalar; até o insecto-pau, que acasala ininterruptamente durante dez semanas seguidas; os macacos; e finalmente, os seres humanos. A força impulsionadora da vida chega em diversas formas. Como evoluirá o sexo no futuro? Estamos a evoluir mais além do sexo? De facto, devemos perguntar-nos se está a chegar o momento no qual seremos capazes de exercer o controlo sobre a nossa própria evolução... não através do sexo, mas através da engenharia genética.

Download (Opção 01 - DepositFiles)

Episódio 05: O Sistema Digestivo
Não é apenas necessário a força de vontade para sobreviver. Também exige um sistema digestivo capaz de transformar a comida em energia. Analisaremos detalhadamente o papel que o sistema digestivo desempenhou na formação de alguns dos animais da Terra: os tiranossauros, as serpentes, as vacas, os seres humanos e outros. Faremos uma viagem no tempo de 575 milhões de anos, que começa com os primeiros organismos multi-celulares do planeta e termina na nossa mesa de jantar. As sequências de acção em directo da história natural, a animação por computador, o drama documentário épico e a ciência experimental ajudam-nos a ilustrar a eterna luta pela sobrevivência sobre a Terra da nossa espécie e das espécies que nos rodeiam.

Download (Opção 01 - DepositFiles)

Episódio 06: A Mandíbula
A mandíbula constitui um dos avanços mais importantes na história da vida. Uma adaptação que permite aos animais matar, esquartejar e devorar. Provavelmente, não existe uma ferramenta mais importante na hora de sobreviver do que uma forte mandíbula. Desde as linhas de dentes afiados em forma de serra dos tubarões, às mandíbulas dos crocodilos, configuradas para se tornarem numa armadilha rápida, ou aos caninos violentos dos leões, todas as mandíbulas evoluíram para dar resposta a uma luta interminável entre o predador e a sua presa. No entanto, como se desenvolveram estas armas mortais por excelência em primeiro lugar?

Download (Opção 01 - DepositFiles)

Episódio 07: A Forma
Os organismos vivos encetaram uma luta pela sobrevivência durante centenas de milhões de anos e a pressão para sobreviver provocou uma mudança contínua das formas. Desde o tubarão martelo ao ornitorrinco, formas novas e às vezes surpreendentes podem significar a sobrevivência para certas espécies. No entanto, como a própria natureza demonstrou, em algumas ocasiões as formas mais básicas da Terra são as que tiveram a resistência suficiente para sobreviver. Durante o programa exploraremos a evolução da forma animal e como as alterações mais pequenas numa pata ou numa cabeça podem significar a diferença entre a vida e a extinção.

Download (Opção 01 - DepositFiles)

Episódio 08: Os Tamanhos
A vida desenvolveu-se em todo o tipo de tamanhos. Nos últimos 3 biliões de anos, a vida teve diferentes formas, desde bactérias de 0,02 micrómetros até baleias azuis de 40 metros de comprimento. Os cientistas estão a aprender como a luta pela sobrevivência levou a esta disparidade de medidas. Compreender a evolução dos tamanhos faz-nos entender a extinção de alguns dinossauros enquanto ainda estavam vivos os primeiros mamíferos, dá-nos as respostas ao porquê de alguns mamutes terem evoluído para pigmeus quando viviam em ilhas, e por que motivo os mamíferos carnívoros nunca chegaram a pesar mais de uma tonelada. Seja pela velocidade do movimento ou pelo número de animais em cada espécie, o mundo biológico evolui conforme o tamanho.

Download (Opção 01 - DepositFiles)

Episódio 09: A Pele
Constitui 16% do peso corporal, é o maior órgão do corpo humano, permite às aves voar, aos mamíferos alimentar as suas crias, além de proporcionar uma defesa durante toda a vida tanto contra os predadores como contra os parasitas. De que estamos a falar? Da pele. Desde as delicadas membranas que recobriam os primeiros animais até às peles elásticas que protegiam os dinossauros, durante este programa analisaremos como a pele mudou e se adaptou a praticamente qualquer desafio que teve de enfrentar ao longo da história.

Download (Opção 01 - DepositFiles)

Episódio 10: A Velocidade
A velocidade, essa capacidade para reagir e mover-se, pode, frequentemente, representar a diferença entre a vida e a morte no reino animal.
Alguns animais evoluíram até se tornarem campeões entre os voadores, os nadadores e os corredores. Quais são as forças que criaram esta necessidade pela velocidade e como os corpos animais se adaptam para ir a toda a potência? Neste programa, descobriremos o motor da natureza por excelência, o músculo, como evoluiu e como funciona. Para além disso, conheceremos algumas das espécies mais rápidas da Terra.

Download (Opção 01 - DepositFiles)

Episódio 11: O Veneno
O veneno, a arma natural mais mortífera utilizada no reino animal, desenvolveu-se de forma independente em criaturas tão diferentes como as medusas, os insectos, as serpentes e inclusivamente os mamíferos. Cientistas de todo o mundo mostram como a evolução adaptou o veneno para satisfazer as necessidades de animais que o utilizam como uma arma. Injectando veneno em amostras do seu sangue, o australiano Bryan Fry demonstra como a serpente mais letal do mundo, o taipão do interior, tornou as partes principais do seu corpo em toxinas letais. Toto Olivera irá apresentar-nos o caracol cónico, que relativamente ao seu peso é a criatura mais venenosa do planeta, capaz de pôr em dia continuamente os seus cocktails químicos com a ajuda dos genes de evolução mais rápida do mundo, garantindo-lhe vantagem perante a sua presa.

Download (Opção 01 - DepositFiles)


Screenshot:


3 comentários:

Anônimo disse...

OLA !


Seu blog é 10 , tem como atualizar alguns links desta série.

Guilherme disse...

Olá, assim que puder atualizo.

Guilherme disse...

LINKS SENDO ATUALIZADOS.